Público-alvo

Os cursos de mestrado e doutorado são oferecidos para profissionais com graduação plena e com mestrado, respectivamente, que atendam aos critérios de seleção e possam atuar como pesquisadores capazes de realizar inovações científicas e tecnológicas; atuar como professores no magistério superior; ou profissionais capacitados a criar instrumentos para a codificação, captura formal, incorporação e disseminação do conhecimento nas organizações e na sociedade.

O curso oferece oportunidades de pesquisa em métodos de desenvolvimento pessoal, aliados a um conjunto de teorias que buscam melhorar a qualidade dos impactos das atividades humanas. Também é recomendável experiência científica e prática, demonstrando capacidade de trabalho em grupo e criatividade. Além disso, as áreas de concentração, por sua natureza interdisciplinar, estabelecem critérios próprios para o perfil do candidato.

 

CANDIDATOS – ENGENHARIA DO CONHECIMENTO

Pesquisadores e profissionais responsáveis pela codificação do conhecimento organizacional da área de concentração Engenharia do Conhecimento. Para tal, o discente aprofundará seus conhecimentos nos processos de explicitação, emulação e modelagem do conhecimento, englobando a criação, a descoberta, a aquisição, a formalização, o armazenamento e a distribuição e uso de conhecimento. Portanto, o candidato pode ser egresso às áreas de engenharia do conhecimento em um aspecto tecnológico (engenharia, ciência da computação, sistemas de informação), ou na formulação e aplicação de seus métodos e ferramentas (matemática, física, administração, informação sobre a economia, ciência, administração da biblioteca, psicologia e linguística).

Profissionais de outras áreas de formação poderão ser aceitos, quando seu plano de pesquisa incluir a aplicação de Engenharia do Conhecimento em seu domínio de especialidade.

 

CANDIDATOS – GESTÃO DO CONHECIMENTO

A área de Gestão do Conhecimento tem por objetivo a formação de profissionais e pesquisadores responsáveis pela utilização do conhecimento como fator de produção estratégico no gerenciamento de negócios relacionados à economia do conhecimento. Neste caminho o discente desenvolverá pesquisas relacionadas ao planejamento e alinhamento coletivo e organizacional do conhecimento compostos pelos sub processos de construção do conhecimento nas diferentes dimensões de análise, seja no indivíduo, em grupo, no âmbito da organização, inter organizações ou nas redes de aprendizagem, pesquisando  os processos de conhecimento como integração, avaliação, auditoria, retenção-descarte, criação-inovação, propriedade, evolução e governança do conhecimento.

Busca-se do candidato formação aliada à sua proposta de trabalho e que esteja em consonância com uma das linhas de pesquisa escolhida. Nesse sentido, espera-se do candidato a formação em nível tecnológico ou gerencial aplicável à gestão do conhecimento (engenharias, ciência da computação, sistemas de informação, ciência da informação, pedagogia empresarial, psicologia organizacional, administração, economia).

Profissionais de outras áreas de formação poderão ser aceitos, quando seu plano de pesquisa incluir a aplicação de Gestão do Conhecimento em seu domínio de especialidade.

 

CANDIDATOS – MÍDIA E CONHECIMENTO

O objetivo desta área de concentração é formar profissionais e pesquisadores responsáveis pelo compartilhamento, difusão e disseminação do conhecimento nas organizações e na sociedade englobando pesquisas que tratam a comunicação, preservação, transferência, socialização e acesso ao conhecimento.

Busca-se do candidato formação aliada à sua proposta de trabalho (engenharia, ciência da computação, sistemas de informação, ciência da informação, tecnologias da comunicação e educação, comunicação social, jornalismo e design).

Profissionais de outras áreas de formação poderão ser aceitos, quando seu plano de pesquisa incluir a aplicação de Mídias do Conhecimento em seu domínio de especialidade.